domingo, 5 de julho de 2015

Fafenses Paulo Antunes/Alberto Oliveira venceram todas as Pec's do Rali de Santo Tirso!


Fonte: faferally.net

Paulo Antunes e Alberto Oliveira, ao volante do Renault Clio R3 da PT Racing, venceram todas as PECs do Rali de Santo Tirso...
Na Super Especial de sexta-feira, decorrida no habitual parque D. Maria II, o piloto fafense impôs o seu ritmo com uma excelente prova, terminando-a com 2,5s de vantagem para Filipe Madureira. Ivo e Maria terminaram 1,8s logo atrás do Nissan Micra de Madureira.
No dia seguinte, o “verdadeiro” dia do rally, Paulo Antunes e Alberto Oliveira venceram todas as PECs, totalizando 21m37,3s. 
Ricardo e Nuno Oliveira fizeram o terceiro melhor tempo na primeira passagem por Serra e levaram o segundo melhor tempo nas PECs restantes, levando o Mitsubishi Lancer EVO VI ao lugar intermédio do pódio geral.
Já Vitor Azevedo (navegado por Marco Campos) teve mais luta, na primeira passagem por Serra só conseguiu o quarto melhor tempo e só nas duas passagens finais (Serra 3 e Refojos/assunção 3) chega a concretizar os terceiros melhpres tempos, garantindo assim a presença do Renault Megane F2000 no pódio.

sábado, 4 de julho de 2015

A.D. Fafe: Já há data marcada para a apresentação da equipa sénior!


Por: Abel Castro

A Associação Desportiva de Fafe fará a apresentação do seu plantel à Comunicação Social no próximo dia 15 de Julho.
Tudo indica que a hora da referida apresentação tenha lugar à hora do costume, 10 horas, no Parque Municipal de Desportos, faltando apenas a confirmação devido a exames médicos a que os atletas vão ser submetidos no mesmo dia.
Antes disso, a Direcção do clube prometeu anunciar os nomes de alguns reforços no início da próxima semana.
Recorde-se que, pelo menos dois jogadores da equipa principal já mudaram de ares, mais concretamente Vasco Costa, que deu um salto enorme ao transferir-se para a I Liga onde vai actuar no Vitória de Setúbal, bem como João Carneiro que foi para o Varzim S.C. da II Liga de futebol profissional.


sexta-feira, 3 de julho de 2015

CNS : Prazo para inscrições terminou hoje. Arões S.C. na expectativa até 3.ª feira!


Por: Abel Castro

Terminou hoje, sexta-feira, pelas 17 horas, o prazo para as equipas que vão alinhar no Campeonato Nacional Sénior 2015/16 se inscreverem na Federação Portuguesa de Futebol.
Apesar do dia e hora marcada para a respectiva inscrição, resta saber se todos os clubes participantes o fizeram.
Desta forma, resta ao Arões S.C. aguardar no máximo até à próxima terça-feira, para poder, eventualmente, ocupar um lugar de uma equipa que na prática tenha desistido.
Como os serviços administrativos da FPF estão encerrados ao fim-de-semana, resta esperar pelos primeiros dois dias da próxima semana, para ver por exemplo, se o S.C. Beira Mar, em risco de desistência, inscreveu a sua equipa de futebol.
Recorde-se que o Arões S.C. terminou a passada época no segundo lugar na Pró-Nacional da A.F. Braga, sendo legítimo ainda aspirar  a uma vaga no CNS, caso, como referimos, algum clube não se tenha inscrito hoje.
Resta aguardar até terça-feira! 

CNS: A.D. Fafe firme na série B. Mirandela passou para a série A por troca com o Varzim B !


Por: Abel Castro

Parece ser definitivo o alinhamento das equipas que vão compor a série B do Campeonato Nacional Sénior para a próxima temporada.
Inicialmente, o S.C. Mirandela estava incluído nesta série, contudo, com a subida do Varzim B, os transmontanos foram incluídos na série A por troca com os poveiros.
Desta forma, esta série B congrega 10 equipas que geograficamente se situam relativamente perto.
Para a A.D. Fafe, a deslocação mais longa será a Póvoa de Varzim. Ainda assim, a viagem é  fácil e com excelente acessibilidade.
A A.D. Fafe vai "rever" velhos adversários, casos do Felgueiras, S. Martinho, Trofense, Vizela, Tirsense e Oliveirense.

Rúben ex-G.D. Travassós foi cedido ao Arões S.C. ! Jogador despede-se em lágrimas!!!


Texto: Abel Castro
Foto: Gil Soares

Rúben Castro, jovem de 19 anos, acaba de ser cedido pela Direcção do G.D. Travassós ao Arões S.C., fruto das boas relações existentes entre as duas colectividades.
Rúben é um médio ofensivo, que fez a sua formação na A.D. Fafe durante nove anos até chegar ao escalão de juniores, onde actuou uma temporada.
No segundo ano de júnior, Rúben rumou ao G.D. Travassós, onde marcou 20 golos, tendo neste clube ascendido depois a sénior, onde actuou na época passada, sendo campeão.
Apesar da sua juventude, Rúben destaca-se pela sua velocidade, aliada a uma boa técnica, fazendo a preceito desequilíbrios nas áreas contrárias com os seus excelentes cruzamentos, bem como as diagonais em direcção à baliza, onde faz golos.

FafeDesportivo falou com Rúben Castro, que se despediu de toda a estrutura do G.D. Travassós, dizendo:
"Uma vez que é publico a minha saída do Grupo Desportivo de Travassós, confirmo, serei jogador do Arões Sport Club na próxima época e queria antes de mais agradecer ao G.D.Travassós, agradecer por tudo o que fizeram por mim desde a minha chegada a meio da minha última época como júnior, tomei a decisão de deixar a A.D.Fafe e rumei ao Travassós onde tinha amigos e onde de pronto me fizeram sentir em casa.
Em pouco tempo me tornei capitão e ajudei a equipa com 20 golos em meia época, dei tudo o que pude. Agradecer ao Mister Armando Costa que me proporcionou isso, agradecer ao Mister Paulo Soares que me chamou aos seniores utilizando-me até no ultimo jogo, um jogo decisivo da pró nacional onde ele apostou em mim, desde já obrigado. 
Obrigado aos directores incansáveis do Grupo Desportivo de Travassós, Sr.Rui, ao Gil, ao Presidente Sr. Zeca, um homem que tudo faz por aquele clube e ao Paulinho o melhor roupeiro do mundo! 
Queria agradecer também a quem me proporcionou ser campeão no meu primeiro ano de sénior, ao Mister António Pereira, uma pessoa que jamais conhecerei igual, um coração do tamanho do mundo e que dá o que tem e o que não tem para ver toda a gente feliz, ele que me libertou para este novo projecto sem me julgar de nada, percebendo a minha opção, fica uma amizade para vida.
Aos meus companheiros "La Família" ,uma equipa que jamais será esquecida por ninguém, uma equipa que fez das tripas coração e contra tudo e contra todos fomos os melhores em tudo fruto do nosso trabalho.
Ao Capitão Carioca um grande obrigado por sempre me ter ajudado desde que cheguei lá.
Ao Fernando, o meu velho e grande amigo que me ajudou sempre também, batendo nas costas nos momentos bons e berrando comigo corrigindo-me nos momentos maus.
Ao Fernandez que dizia palavras sábias que pensava que ninguém ouvia mas eu estava a ouvir e ajudou-me sempre.
Mickey, um amigo ,um jovem cheio de alegria nas pernas um amigo que vai ficar também pela sua humildade e por tudo o que me ajudou. 
Um pouco de cada um me fizeram evoluir e ser quem sou hoje.
Tozé o nosso falso lento, com as piadas sempre a tempo uma pessoa fantástica.
o Tózinho, o guarda redes dos penaltis, uma pessoa magnífica que faz toda a gente sentir-se em casa.
O Tiago, um grande amigo, as risadas as alegrias partilhadas a ti um forte abraço.
Calicas a ti fica um obrigado por tudo também e continua o teu trabalho da mesma forma e empenho.
Ao Nuno Gonça que também fica um amigo prá vida, uma pessoa que só conhecendo se percebe quem realmente é, explosivo em campo mas uma óptima pessoa que ajuda em tudo o que pode, obrigado. 
Ao Zé Beto, o jogador mais falador um obrigado para ti amigo.
Os meus companheiros da Caravana de Fafe fica um obrigado por tudo o que partilhamos e sei que vocês vão ter sorte também, pois vocês merecem amigos. 
Fica um obrigado a todos, e é em lágrimas que me despeço desta grande equipa, do Grupo Desportivo de Travassós! 
Obrigado do fundo do Coração!
Segue-se um novo rumo, uma nova equipa, uma equipa que diz muito a mim e à minha família, uma equipa que sempre me disseram seria destino ir jogar lá e assim aconteceu.
Agradecer por fim ao Presidente, pela forma como tratou as coisas para a minha contratação, e é um passo em frente que dou na minha carreira como jogador, e para quem duvidava de mim ao longo destes anos, eu vou lá chegar! 
Eu não me esqueço de vocês pois foram vocês que me tornaram mais forte dia após dia!



Massagista Carlos Piairo coloca fim de ciclo na A.C.D. Pica após ligação de 13 anos!!!


Por: Abel Castro

Chegou ao fim a ligação do massagista Carlos Piairo com a A.C.D. Pica.
O "massagens", percorreu durante 13 anos consecutivos o caminho que liga a cidade de Guimarães, de onde é natural, até ao campo da A.C.D. Pica.
Como em tudo na vida, há ciclos que se interrompem, nada é eterno, chegando a vez de Carlos Piairo tomar esta (difícil) decisão.
Homem reconhecidamente humilde e generoso, a que se alia um enorme carácter e bondade, Carlos Piairo vai deixar saudades na Pica.
O próximo treinador Paulo Soares (Paulinho), contava com os seus préstimos para a nova temporada mas, após ponderar bem, a sua decisão tornou-se irreversível.
Na hora da saída, Carlos Piairo agradece ao clube pelo facto de ter passado 13 maravilhosos anos, bem como a todos que fizeram parte da A.C.D. Pica (treinadores, jogadores, directores, roupeiro...). Conclui dizendo que chegou ao fim o seu percurso num maravilhoso clube, onde aprendeu muito e ganhou acima de tudo, grandes amigos que ficarão sempre no seu coração.

quinta-feira, 2 de julho de 2015

João Carneiro muda-se da A.D. Fafe para o Varzim S.C.!


Texto e foto: Abel Castro

João Carneiro é o primeiro reforço do Varzim S.C.


O Varzim S. C., recentemente promovido à II Liga, veio buscar a Fafe o seu primeiro reforço para a época 2015/16.
Trata-se do lateral esquerdo João Carneiro, de 28 anos, que representou a A.D. Fafe durante quatro temporadas, após uma passagem de meia época pelo Académico de Viseu no ano passado, regressando a Fafe.
João Carneiro é natural de Guimarães, sendo formado no clube da cidade berço, actuando ainda durante uma temporada na equipa B do V.S.C. Guimarães.
O atleta tem passagens ainda pelo F.C. Famalicão e G.D. Joane.

Consulte o excelente vídeo de Pedro Meireles/Mário Castro no Rali Vidreiro!


Redacção

Ainda em fase de adaptação à nova máquina, o Skoda Fábia R5, assista AQUI a um excelente vídeo dos campeões nacionais, Pedro Meireles/Mário Castro, no Rali Vidreiro.

Francisco Castro ex-GCD Regadas...Grande Entrevista!


Texto e fotos: Abel Castro

  • Penso que todos os treinadores deviam treinar a formação.
  • Em tudo na vida, me ensinaram a não ser ingrato.
  • Parece que os dirigentes só me contactam quando estão em desespero.
  • É muito melhor comer o bife do que rapar o osso.
  • Apesar de convidado, sou um treinador livre.
  • Por aquilo que fiz, a ingratidão de alguns deixa-me triste.

FafeDesportivo esteve à conversa com o treinador Francisco Castro, ainda jovem, 41 anos, mas possuidor de um excelente palmarés. 
Em 2005/2007 esteve nos juvenis da Associação Desportiva de Várzea Futebol clube, em 2007/2008 nos juniores do Barrosas, em 2008/2009 na formação de juvenis do Barrosas, em 2009/ 2010 treinador adjunto no Rio de Moinhos, da Divisão Honra da A.F. Porto, acumulando funções como treinador principal no F. C. Felgueiras, escolinhas. 
No ano 2010/2011 foi treinador adjunto no Operário de Antime, acumulando também funções como treinador principal no F. C. Felgueiras – Infantis. Corria a época 2011/2012, foi treinador adjunto no G. D. Silvares, acumulando funções de treinador principal no Barrosas- escalão infantis. 
A partir de Fevereiro foi transferido para o Antime, exercendo como treinador principal. Em 2012/2014 continuou como treinador principal do Antime - Divisão de Honra. 
Passou depois na temporada 2014/2015 pelo Desportivo de Arco de Baúlhe - Divisão de Honra e na mesma época no Grupo Desportivo de Regadas, também da Divisão de Honra da A.F. Braga.

FafeDesportivo: Francisco Castro, são 10 anos de técnico de futebol, com passagens por oito clubes diferentes. Desses clubes, ressalta a formação, onde já efectuou muito trabalho. Gosta de treinar a formação, ou isso aconteceu apenas no seu início de carreira?

Francisco Castro: Claro que gosto de treinar formação, aliás penso que todos os treinadores deveriam treinar na formação durante algum tempo antes de abraçar um projecto de seniores. No meu caso felizmente trabalhei em quase todos os escalões de formação e como pode reparar no meu currículo  em alguns anos já a trabalhar a nível de seniores acumulei função em outros clubes, escalões de formação, o que me levava a não ter dias de folga de Segunda a Domingo, acho que isso é a maior demonstração de que gosto de treinar na formação.
FafeDesportivo: Fica a sensação de ser um técnico que não gosta de estar muito tempo num clube (10 anos e oito clubes). Corresponde à verdade?
Francisco Castro: Não...Não se trata disso, acho que todos nós treinadores estamos sujeitos a isto, muitas vezes estamos mais tempo num clube noutras estamos menos tempo, mas isso depende das circunstancias, de um outro projecto que apareceu e eu entendi que seria melhor, uma outra proposta mais aliciante em termos desportivos e se calhar financeiro ou mesmo, o conhecer de outros clubes e trabalhar dentro deles para assim poder também adquirir outros conhecimentos e também outras maneiras de ver e viver o futebol.
FafeDesportivo: Sabemos que é um admirador confesso de Vítor Pacheco e vice-versa. Hoje aplica em campo as ideias base dele, ou tem a sua própria matriz?
Francisco Castro: Sim é verdade, e penso que da parte dele também é recíproca essa admiração, trabalhamos juntos durante bastante tempo em que comungamos ideias, em que fomos uma verdadeira dupla tanto em termos de trabalho como em termos de honestidade e lealdade que sempre tem que existir entre treinador principal e adjunto, e isso aconteceu connosco, mesmo em algumas situações em que tínhamos opiniões diferentes, mas que eu como adjunto o apoiava a 100% na decisão final dele, o que infelizmente não existe em todas as equipas técnicas nem em todas as pessoas que fazem parte delas. Logicamente que, como é sabido, cada treinador tem as suas ideias e eu não fujo à regra adaptando aquilo de bom que aprendi trabalhando com ele, juntamente com as minhas ideias e aquilo que eu pretendo para as minhas equipas.
FafeDesportivo: A sua “explosão” como técnico principal de seniores ocorreu quando era adjunto no GD Silvares, sendo convidado pelo Antime que vivia momentos difíceis. É um treinador que tem propensão para situações difíceis?

Francisco Castro: Não se trata de difíceis ou fáceis, naquela altura era uma situação muito difícil e foi uma decisão também difícil de tomar por tudo o que ela envolvia, mas há momentos na vida em que temos que tomar essas mesmas decisões sem hesitar e nesse momento foi o que fiz, e na minha opinião fiz bem. 
FafeDesportivo: Conseguiu a manutenção do Operário de Antime no último jogo e no último minuto. É o maior troféu que ainda hoje guarda?


Francisco Castro: Não se trata de um troféu mas sim de um objectivo alcançado quando ninguém acreditava. Tinham deixado o Operário de Antime chegar ao abismo sem os verdadeiros responsáveis assumirem tal responsabilidade, o que me deixou numa situação praticamente dada como perdida, mas com a minha persistência, da Direcção e o fazer acreditar aos jogadores que era possível, conseguimos o que muitos não queriam e tudo fizeram para não acontecer, dando sequência nos anos seguintes com os resultados positivos e a estabilidade actual do clube.
FafeDesportivo: Agora vêm os momentos menos bons da vida de um treinador de futebol. No Silvares, em situação mesmo dramática, não evitou a descida. Porque aceitou o convite de uma equipa que estava praticamente condenada à descida de divisão?
Francisco Castro: Exactamente. Como você refere na pergunta ''uma situação dramática e praticamente condenada à descida''. Em tudo na vida me ensinaram a não ser ingrato e felizmente os meus pais assim o fizeram comigo, como eu já tinha trabalhado em Silvares numa situação estável e boa para qualquer treinador, decidi quando as pessoas me convidaram a pouquíssimas jornadas do fim, tentar a salvação e não lhes virar as costas, pois é um clube pelo qual tenho apresso e achei que deveria pelo menos ajudar as pessoas e o clube a tentar os seus objectivos. E tanto ajudei que não foi possível a salvação, pois a situação em termos de estrutura também não era a mesma que encontrei em anos anteriores por isso ao fim de três jogos, e poderia ter ficado até ao fim, mas já sem nada a fazer em termos desportivos decidi abdicar de um valor monetário que me teria que ser pago no dia seguinte à minha saída e eu em frente ao grupo de trabalho abdiquei desse valor para ajudar a Direcção a cumprir com os jogadores no restante tempo que faltava.
FafeDesportivo: Seguiu-se uma nova aventura em terras de Basto, no Arco de Baúlhe, num projecto de nascença. Não terminou a temporada no DAB. Porquê?

Francisco Castro: Desde já quero dizer que foi com grande agrado e satisfação que recebi o convite do DAB para treinar este grande clube. Desde o início que tivemos algumas dificuldades devido às obras existentes no nosso campo de jogos, que muitas vezes não nos permitia treinar da melhor forma. Mesmo assim e com um plantel reduzidíssimo derivado às lesões de alguns jogadores, durante o defeso tivemos um início de campeonato muito bom com a equipa a produzir e a ser competitiva em todos os jogos perante qualquer adversário, mesmo tendo que recorrer à equipa júnior e utilizando juniores de primeiro ano para suprir ausências que tínhamos ( e desde já referir que esses juniores corresponderam aquilo que nós pretendíamos) fomos somando pontos e posicionando-nos sempre em lugares de meio de tabela. E assim foi até à 12.ª jornada, altura em que eu e o meu adjunto e preparador físico prof. Tiago Silva, decidimos demitir-nos pois certas situações que aconteceram que eu não concordo e não admito nas minhas equipas e que puseram em causa o grupo de trabalho e alguns dos meus então jogadores. E para defesa do grupo de trabalho e dos jogadores decidimos tomar essa decisão.
FafeDesportivo: Aceitou mais um projecto muito arrojado no GCD Regadas, que já não vencia há vários jogos e tinha quando assumiu, a defesa mais batida e o ataque menos produtivo. Verdade?
Francisco Castro: Sim, verdade. ''Parece que os dirigentes só me contactam quando estão em desespero'' mas neste caso e apesar de ter encontrado um grupo de trabalho descrente, com a moral em baixo e a sua auto estima também, todos nós acreditávamos que era possível a manutenção do Regadas na Divisão de Honra, pois durante todos os jogos e mesmo defrontando os cinco primeiros classificados nas 11 jornadas que faltavam fomos sempre muito competentes, competitivos, adultos na forma de encarar os jogos e as adversidades em qualquer campo e só não fomos premiados com a manutenção derivado ao facto de em alguns jogos nomeadamente três, situações anómalas em que nós equipa técnica e jogadores não podemos controlar, prejudicaram-nos e foram decisivas na tabela classificativa.
FafeDesportivo: Francisco, face à sua coragem, o seu nome fica ligado a algumas descidas de divisão. Silvares, Arco de Baúlhe e agora o Regadas. São factos que falam por si…
Francisco Castro: Não penso assim. Em primeiro devo dizer e corrigir que em relação ao Arco de Baúlhe, sai à 12.ª jornada com a equipa bem posicionada na tabela classificativa e com a certeza de que se continuássemos ficaríamos entre os seis primeiros classificados, portanto assumo toda a responsabilidade até à 12.ª jornada no Arco de Baùlhe. Assim como assumo toda a responsabilidade no Regadas desde a 19.ª jornada até ao final do campeonato. Quanto ao meu nome ficar ligado a descidas de divisão, se não fosse um homem com H bem grande e de coragem, não seria treinador de futebol e sei que para os treinadores como diz um ditado popular ''é muito melhor comer o bife, do que rapar o osso'' e em vários clubes com as condições que lhes são dadas é muito fácil apresentar resultados, o difícil é encarar desafios como estes ter a coragem de os assumir e sabendo que sou um treinador em que as equipas que pretenderem os meus serviços podem ''só'' contar com o meu trabalho, dedicação ao máximo em defesa dos interesses do clube, sem compadrios ou outras coisas para treinar o clube A, B ou C. 
FafeDesportivo: Neste momento é um treinador livre, apesar de já ter recebido dois convites. Voltaria a assumir uma equipa em risco de descida? Ou só aceita agora projectos novos?
Francisco Castro: Sim, de facto já recebi dois convites, um recusado por mim e outro em que não houve acordo. Aceito qualquer projecto que tenha condições e objectivos para andar em frente, independentemente de ser um projecto para a manutenção ou para subir de divisão. O importante é as pessoas terem objectivos e serem honestas naquilo que dizem e fazem e eu me sentir bem junto delas, havendo da parte delas também essa vontade de me ter como treinador.
FafeDesportivo: Já orientou equipas durienses, de Basto e de Fafe. Diga-nos que diferenças encontrou…
Francisco Castro: No fundo e como todos sabemos o futebol é universal em todo o mundo, mas logicamente há diferenças de clubes para clubes, de cidades para cidades, de condições para condições e de mentalidades para mentalidades. Seria injusto da minha parte dizer aqui, agora e fazer esse tipo de comparações.
FafeDesportivo: Tem ainda uma carreira longa pela frente. Onde pretende um dia chegar como técnico de futebol?
Francisco Castro: O mais longe possível: sou ambicioso mas sempre com os pés bem assentes na terra e quero chegar o mais alto que puder e me for
permitido nesta minha vida de treinador. Mas isso muitas vezes não depende só de mim, no futebol gira muita coisa à volta e em que as oportunidades podem aparecer ou até não aparecer, no meu caso estou satisfeito com o meu percurso até aqui, mas espero daqui para a frente escrever uma página mais vitoriosa num clube em que me dê as condições em termos desportivos que outros colegas treinadores também já tiveram.
FafeDesportivo: Voltar a ser adjunto está fora de hipótese?


Francisco Castro: Não, não está de todo fora de hipótese. Desde que seja um projecto ambicioso com critério com um treinador competente que eu lhe reconheça qualidades, não terei qualquer problema em voltar a ser adjunto, continuarei com a mesma dedicação como se fosse principal e acima de tudo continuarei a ser o mesmo homem regido pelos princípios que me foram ensinados da humildade, honestidade, lealdade, e trabalhar por uma causa, ou neste caso, por um clube. 
FafeDesportivo: A nossa conversa já vai longa. Tem, certamente, elogios/críticas a fazer. Disponha…
Francisco Castro: Desde já agradecer o convite para esta entrevista ''e digo convite, porque ao contrário de outros, não preciso nem peço para ser entrevistado ou publicar algo''. Depois, agradecer todo o apoio da minha esposa e dos meus filhos nestes anos em que me têm acompanhado. Depois a todos os responsáveis dos clubes que acreditaram no meu trabalho e nas minhas capacidades, agradecer também a todos aqueles que me foram LEAIS E VERDADEIROS. Quanto às criticas, não me vou alongar muito, apenas dizer que a ingratidão de alguns por tudo aquilo que fiz por eles é uma das coisas que me deixa triste. Mas o tempo vai-me dar razão.

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Guarda-redes Rafa troca o Regadas pelo Nun'Álvares Futsal!


Texto: Abel Castro
Foto: GNA

Demorou escassas horas a conhecer-se o novo clube e também a próxima etapa do guardião Rafa, após a comunicação que ontem fez publicamente, de que ia abraçar novo projecto, noutro clube.
Rafa vai trocar o futebol de 11 pelo Futsal, após nove épocas jogou no GCD Regadas, indo agora ter uma nova experiência no Nun'Álvares na temporada 2015/16.
Cláudio Faria (Rafa), sente-se feliz por representar uma grande Instituição como o GNA, onde conhece a maior parte dos seus futuros colegas, revelando ainda uma enorme vontade em começar a defender as redes nun'alvaristas, onde espera atingir os seus objectivos.

O.F.C. Antime mostra o seu plantel para a próxima temporada!


Texto e foto: Abel Castro

O Operário Futebol Clube de Antime deu a conhecer o seu plantel para a época 2015/16.
Para a baliza chega Nuno Preto ex-Silvares. 
Na linha defensiva os novos elementos são Tiago, defesa central e Joel, lateral esquerdo, ambos ex-ACD Pica e ainda Rosita ex-Arões S.C.
Para o meio campo o Operário assegurou os serviços de Carvalho ex-júnior da AD Fafe e para o ataque é certa a aquisição de Zé Miguel ex-júnior da AD Fafe e Jorginho ex-Silvares.
Para que o plantel fique encerrado, faltam ainda um central e dois avançados.

Plantel 2015/16:
Guarda-redes: Rui e Nuno Preto ex-Silvares.

Defesas: Vítor Beijinhos, Neves, Raul, Tiago e Joel ex- Pica e Rosita ex-Arões S.C.

Médios: Malhado, Gustavo, Miguel, Patocas, Samu, Carvalho ex-júnior AD Fafe.

Avançados: Jonas, Vasco, Castanha, Jorginho ex-GD Silvares e Zé Miguel ex-júnior da AD Fafe.

A equipa técnica teve uma alteração com a entrada do Prof. Dino, preparador físico ex-Pevidém, mantendo-se, como oportunamente noticiamos Carlos Salgado como treinador principal, Ricardinho e Zé Artur os adjuntos e Beto o treinador de guarda-redes.


Rafa vai sair do GCD Regadas após a brilhante permanência de nove anos!!!


Texto e foto: Abel Castro

"Em Regadas fiz irmãos para toda a vida"

Cláudio Faria, conhecido há anos no futebol como Rafa, colocou um ponto final na sua ligação com o GCD Regadas.
Não se trata de um desvinculação qualquer, mas sim de uma paixão enorme que demonstrou por uma Instituição, já que Rafa, representou ao mais alto nível o clube durante nove temporadas!
O experiente e valoroso guarda-redes, foi um exemplo de longevidade no GCD Regadas, clube onde fez inúmeros amigos para a vida, tal como o próprio publica na sua página do Facebook.

"Todos os ciclos têm um fim e entendo que o meu como jogador do GCD Regadas deve terminar agora. É a decisão mais difícil que tomei até hoje, espero que compreendam...
Foram 9 (!) anos de bons momentos e de muitas conquistas, mas também de outros menos bons como o final da última época, mas acima de tudo foi quase uma década em que criei laços de amizade demasiado fortes para poderem ser quebrados. Em Regadas fiz irmãos para a vida inteira e para o clube guardo um lugar especial no meu coração. Entendo que esta é a hora de seguir outro caminho como jogador mas continuarei a ser um adepto fervoroso do clube que me acolheu como nenhum outro tinha feito.
Saio com a consciência que tudo fiz para o bem do GCD Regadas. Espero que em Maio esteja convosco para festejar a subida de divisão, pois esta é muito pequena para o GCD Regadas.
Por último queria agradecer à direcção, em especial ao Presidente Zéze pela oportunidade que me deu em fazer parte da que considero ser a minha segunda família.
Boa sorte para todos"!!

terça-feira, 30 de junho de 2015

Mega Festa Benfiquista na Quinta do Labaçoso! Sábado às 17 horas...

Por: Abel Castro

A Casa do Benfica de Fafe tem agendada para o próximo sábado, com início às 17 horas, uma grande festa benfiquista, denominada FESTA DO CAMPEÃO.
Para além da vitela e porco assado no espeto e bar aberto, não vai faltar muita animação com cantares ao desafio, os Dj's Pedro e Filipe Eventos e muito mais.
Esta festa promete, e se o horário de chegada à Quinta do Labaçoso, em Vinhós, é importante, menos importante será a hora de regresso, num convívio que promete durar até "às quinhentas"!
Os bilhetes podem ser procurados nas Padarias Silva, na Churrasqueira A Desportiva e na Casa do Benfica de Fafe, ou através dos números, 912 345 296 e 910 739 055.






Arões S.C. : Emanuel ex-Vimioso, Pedro Mota ex- Académica e Vasco Mendes ex-Regadas são reforços. Raimundo continua!


Por: Abel Castro


Termina sexta-feira o prazo que ainda pode dar acesso ao CNS !

Depois das renovações levadas a cabo no Arões S.C e contratações, atempadamente anunciadas por nós, o clube anuncia agora a aquisição de três novos elementos, bem como, a continuidade de um homem da casa, Raimundo.
Desta forma, a Comissão Administrativa presidida por Vítor Castro está atenta, e procura colmatar as várias saídas de atletas que alinharam na equipa titular na época passada, como também já noticiamos em devido tempo.
Assim, para o centro da defesa chega um novo jogador, de seu nome Emanuel Oliveira, de 23 anos, 1.92m, natural de Guimarães, que fez toda a sua formação no F.C. Vizela na posição de médio centro, passando depois a alinhar a defesa central desde que ascendeu a sénior. Emanuel jogou ainda no Morais F.C., Argoselo e por último, duas épocas no Águia F.C. Vimioso, da Divisão de Honra da A.F. Bragança, equipa que terminou em segundo lugar o seu campeonato.
Para a zona intermediária chega um líder, o nosso bem conhecido Pedro Mota, um "produto" made-in A.D. Fafe onde jogou até aos juniores, sendo campeão distrital nas categorias de infantis, iniciados e juvenis. A cuidar da sua vida profissional, advocacia, Pedro Mota esteve a fazer Erasmus, na Polónia. Antes disso, passou pela A. Académica de Coimbra SF e ainda pelos sub-23 do mesmo clube. Trata-se de um regresso à sua terra natal, para fazer uma das coisas que mais prazer lhe dá...jogar futebol!
Para a frente de ataque vem Vasco Mendes, natural de Felgueiras, jogador que ainda jovem actuou em Fafe no Operário de Antime por duas vezes, tendo ainda actuado no Felgueiras, Torrados, Mondinense, Santa Eulália, Silvares e, por último, no G.C.D. Regadas. Vasco vai trazer experiência ao ataque do Arões S.C., fruto dos seus 34 anos, mas ainda completamente activo no que concerne às suas faculdades de goleador.
Raimundo, um jogador da casa, de 27 anos, renovou também contrato com o Arões S.C., ele que joga também como avançado.
Recorde-se que o Arões conseguiu um brilhante segundo lugar na época passada na Pró-Nacional da A.F. Braga, estando a Comissão Administrativa ainda à espera de uma eventual repescagem para alinhar no CNS na próxima temporada. O prazo termina na próxima sexta-feira!

Andebol Clube de Fafe recebido nos Paços do Concelho!


Fonte: CMF

A Equipa sénior do Andebol Clube de Fafe foi recebida ontem na Câmara Municipal de Fafe, depois de se ter sagrado campeã nacional da Segunda Divisão de Andebol.
O Presidente da Câmara Municipal, Raul Cunha, acompanhado pelo Vice Presidente, Pompeu Martins, e pelo Vereador José Batista, revelou o enorme orgulho e satisfação por este feito.
“Em nome do Município e desta casa que é de todos os fafenses, quero felicitar-vos e dar-vos os parabéns por esta conquista. 
Conseguiram ser os melhores na competição e isso enche-nos de vaidade.  Sois um exemplo para todos os fafenses pelo esforço, dedicação e garra. Estamos muito orgulhosos!”
“Tiveram um desempenho notável. Apoiados pela direção do ACF, equipa técnica e pelas vossas famílias, tenho a certeza que vão continuar a honrar Fafe.
Da parte do Município, podem contar sempre connosco. Estamos disponíveis!
Dizer-vos também que está nos nossos projetos requalificar o Pavilhão Municipal, nomeadamente fazer algumas intervenções nos balneários, a nível da eficiência energética e também na zona onde têm os equipamentos de ginásio. Temos a certeza que será um bom estímulo para trabalharem com mais condições.”, acrescentou.
O Presidente do ACF, Artur Magalhães, aproveitou para entregar uma medalha e uma faixa de campeão a Raul Cunha, revelando o orgulho que sentia pela equipa.
“Fomos Campeões com mérito muito grande e tudo deveu-se ao enorme esforço destes jogadores e equipa técnica.” 
No final, a foto da praxe na escadaria da Câmara.
Parabéns ACF ! 

Guarda-redes Nuno Preto ex-Silvares muito próximo do Operário de Antime!


Texto e foto: Abel Castro

Recebemos na nossa redacção, a informação que nos dá conta da possível contratação por parte do Operário de Antime do guarda-redes Nuno Preto ex-G.D. Silvares.
Ao que tudo indica Bruno não continua no OFCA, o que levou os responsáveis do clube orientado por Carlos Salgado a ir ao mercado para encontrar o seu substituto.
Nuno Preto efectuou uma boa temporada no G.D. Silvares, acrescida de uma responsabilidade tremenda pelo facto de ser, durante praticamente meia época, o único guarda-redes disponível.
Nuno é um guardião que preenche a preceito o lugar entre os postes, onde revela extrema segurança, destacando-se ainda pela sua determinante elasticidade.
Na época transacta foi dos jogadores mais influentes do G.D. Silvares, ao ponto de merecer com toda a legitimidade alguns títulos de crónicas por nós publicadas.
Depois de Jorginho, a confirmar-se, Nuno Preto é o segundo jogador que o Operário foi recrutar a Silvares para a época 2015/16.

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Vivem-se momentos difíceis em Silvares...Não se vislumbra uma sucessão directiva!



Por: Abel Castro

Esteve marcada para ontem de manhã, Domingo, às 10:00, uma Assembleia em Silvares para se decidir o futuro do Clube. 
Correram rumores de que havia alguém interessado em apresentar uma lista para os Órgãos Sociais, mas não passou disso mesmo.
Na dita Assembleia, estavam presentes somente duas pessoas, o presidente da Assembleia Geral, António Soares e Carlos Teixeira, o presidente da Direcção, que não vai continuar no clube, conforme nos disse.
Assim, ficou agendada nova reunião magna para daqui a duas semanas.
No que concerne a jogadores e equipa técnica, é sabido que vão ter de começar a decidir o futuro por outros lados, pois em Silvares continua uma grande incógnita.
Desta forma, o G.D. Silvares sujeita-se a ficar sem vários jogadores da época passada, pois sabe-se que estão a ser cobiçados por outros clubes fafenses e por alguns de fora do concelho. 

Georgiano Leo não continua no O.F.C. Antime!


Texto e foto: Abel Castro


O internacional georgiano Leo Levan Blagidze (Leo), não vai envergar a camisola do Operário de Antime na próxima temporada. Disso mesmo nos deu conta o próprio jogador, que disse não ter recebido qualquer convite do Operário para renovar.
Neste momento Leo ainda não se comprometeu com nenhum clube, mas espera que dentro em breve isso venha a acontecer.
É pública a sua excelente relação com o treinador Vítor Pacheco, que o orientou em Silvares, não sendo por isso uma surpresa se Leo voltar a ser orientado pelo técnico de Felgueiras.
Leo é um ponta de lança nato, tem 24 anos, nasceu na Georgia na cidade Kutaisi, tendo sido internacional nas categorias de sub-16, 18, 19, e 21.
Leo veio para Portugal a convite do V.S.C. Guimarães, onde actuou durante duas temporadas nos juniores.
Transferiu-se depois para o Vieira SC, F.C. Felgueiras, G.D. Silvares, Sta Eulália, Desp. Ronfe, sendo o Silvares o seu primeiro clube em Fafe durante duas épocas. Do Silvares saltou para Antime, onde não vai continuar em 2015/16.

A.D. Fafe/Natação: Fafe no pódio 27 vezes e oito títulos regionais no Camp. Regional de Infantis!


Redacção

Nos dias 26, 27 e 28 de Junho a Associação Desportiva de Fafe (ADF) deslocou-se à Piscina Municipal da Póvoa de Varzim (50m) para disputar mais uma edição dos Campeonatos Regionais de Infantis (Piscina Longa), que contou com a presença de 237 nadadores de 17 clubes. Enquanto muitos fafenses rumavam à Póvoa de Varzim para celebrar o S. Pedro, os nadadores da ADF partiram com os seus objetivos bem definidos: obter mínimos para os Campeonatos Nacionais, corrigir aspetos técnicos nas suas melhores provas, desenvolver o espírito competitivo e mostrar aos treinadores que estão preparados para representar as cores fafenses nas competições mais importantes.
O destaque individual vai para as Campeãs Regionais Carolina Silva, Inês Castro, Margarida Leite, Mariana Sampaio e Vitória Henriques que trouxeram para casa 8 medalhas de ouro, num total de 15 subidas ao pódio. Diogo Moura, João Freitas, João Peixoto, Romeu Fernandes e Rui Martins, ficaram muito perto da vitória em algumas das suas provas e conquistaram 6 medalhas de prata e 6 de bronze. Estes nadadores foram ainda responsáveis por 8 mínimos para os Campeonatos Nacionais, que decorrem entre os dias 17 e 19 de Julho, no Jamor (Oeiras). Ricardo Oliveira ficou próximo dos mínimos e ficou em 6º lugar em 3 provas, Catarina Ferreira foi 6ª nos 400m Estilos, Bruno Castro 7º nos 200m Costas, Tiago Guedes 7º nos 1500m Livres, Luís Alves 9º nos 1500m Livres e 400m Estilos e João Cunha melhorou o seu tempo nos 100m Livres e ainda ajudou a estafeta Infantil B Masculina da ADF a conquistar um 6º lugar.
No final da competição os treinadores deram os parabéns aos nadadores apurados para os Campeonatos Nacionais e relembraram que esta é a fase mais importante da época, onde a motivação, o descanso e a concentração devem estar no máximo. A convocatória final para a última competição da época deverá sair nos próximos dias.

G.D. Travassós com prestação honrosa no Mónaco. Tozé foi o melhor guarda-redes!


Por: Gil Soares

A participação do GD Travassós no Torneio de Beausoleil no Mónaco, quedou-se pelas meias-finais onde foi eliminado na marcação das grandes penalidades. 
Foi um misto de despedida da temporada passada com um cheirinho a pré-época.

Tozé, guardião travassolista, recebeu o prémio do melhor guarda-redes do Torneio. 
Ao Grupo Folclórico dos Portugueses de Beausoleil, e a todos os portugueses em geral,a equipa do GD Travassós agradece a hospitalidade. 
Uma verdadeira comunidade de portugueses e amigos do clube.
A experiência agradou a todos, ficando aberta de uma forma clarividente, uma porta para que esta participação internacional do G.D. Travassós se venha a repetir já para o próximo ano.



domingo, 28 de junho de 2015

Bruno Cunha ex Arões SC, vinculou-se ao SC Maria da Fonte.


Foto: Abel Castro
Texto: Grande Area

O ex jogador do Arões SC, Bruno Cunha assinou pelo SC Maria da Fonte. 
Bruno Cunha vai encontrar Luca e B. Rocha, jogadores com quem privou aquando da participação na Taça das Regiões da UEFA ao serviço da selecção AF Braga. 
Bruno Cunha é mais um reforço de grande qualidade garantido pela formação da Póvoa de Lanhoso, que esta temporada vai ser orientada pelo técnico Roger Bastos.

Taça Nac. Seniores: GCR Nun' Álvares 2 - AU Povoense 3: "Bis" de Pisco não foi suficiente...


Texto: Abel Castro
Foto: DR

O Nun'Álvares perdeu na noite de ontem o seu segundo jogo com a A.U. Povoense, numa partida extremamente equilibrada, como tinha sido também o jogo anterior contra o Sporting C.P.
As Alvarinhas venciam por 1-0 ao intervalo, com Raquel Silva (Pisco) a marcar.
O Nun'Álvares chegou ao segundo golo novamente apontado por Pisco, mas a AU Povoense arriscou mais e conseguiu reduzir, até chegar ao empate e à vitória final.
Não se pode exigir mais a estas briosas meninas, que sentem obviamente o peso de toda uma época em cima ao mais alto nível.
Estar nesta Final Four é já um justíssimo prémio para todas elas e ainda para a Instituição que representam, porque, ainda assim, disputam os jogos com uma sagacidade digna de registo.
Parabéns a todas!!!

A.D. Fafe celebra 57 anos com tomada de posse da nova Direcção. Veja as fotos...


Texto e fotos: Abel Castro

A Associação Desportiva de Fafe comemora hoje, dia 28 de Junho, o seu 57.º aniversário.

A família do clube reuniu-se ontem à noite na Quinta do Labaçoso em Vinhós, para um jantar de confraternização, mas também para a tomada de posse da Direcção presidida por Jorge Fernandes.
Estiveram presentes os Órgãos Sociais, o Presidente da A.F. Braga, Manuel Machado, treinadores, atletas da formação, natação, futsal e alguns convidados. Quem não esteve presente foi a Câmara Municipal de Fafe, apesar do convite feito atempadamente.
Durante o jantar foi possível visualizar uns vídeos de todos os escalões da ADF, desde os benjamins até aos seniores.
Após a tomada de posse do renovado elenco directivo da ADF, Ribeiro Cardoso, presidente da Assembleia Geral, dirigiu-se aos presentes com um discurso devidamente estudado, começando por agradecer a todos os presentes. Disse depois que o acto de posse constitui uma boa notícia para a família do Fafe, após uma votação efectuada que lhe conferiu esmagadora maioria. "É o despertar de um novo ciclo. Na última Assembleia Geral foi aplaudida a dinâmica da então Comissão Administrativa, especialmente do seu presidente, que com toda a competência conseguiu reduzir significativamente o passivo do clube. Com isto, foi possível constituir um executivo que tem agora dois anos pela frente, que vai certamente dar muitas alegrias aos associados e adeptos do Fafe. Surge agora um clube novo, mais forte e mais solidário. Não são uma, ou duas vozes dissonantes, com comportamentos amplamente reprováveis, que vão impedir o sucesso imparável desta nobre Instituição. Resta-me agradecer, na qualidade de presidente da Assembleia Geral, a todos os sócios pela confiança que depositaram em nós. Não me posso esquecer dos atletas e dos treinadores do Fafe. Foram extraordinários na época passada. O Fafe tem um excelente treinador, que qualquer dia ainda vai treinar o meu outro clube, disse".
Manuel Machado, presidente da A.F. Braga, desejou à A.D. Fafe um mandato de grande felicidade e de grandes êxitos. Disse conhecer bem Jorge Fernandes, desejando-lhe que continue a desenvolver o seu excelente trabalho à frente do leme da A.D. Fafe. Antes de entregar uma lembrança da Associação a que preside, Manuel Machado terminou, dizendo que o Fafe bem merece, pois, é um grande clube, com uma enorme dimensão a nível regional e nacional.
A terminar, Jorge Fernandes disse; "Para mim, a responsabilidade vai ser exactamente a mesma, porque já estou neste clube há uns anos. O grau de exigência vai ser o mesmo, mas é claro que vamos crer sempre mais. O ponto forte desta Direcção vai ser investir na formação, no passado já o fizemos, mas no próximo ano vai aumentar a aposta. É evidente que para isso, precisamos da colaboração de todos, desde patrocinadores até ao Município, porque o nosso espaço físico já se torna insuficiente. Relativamente à parte financeira, foi possível verificar que, com a ajuda dos associados, dos patrocinadores e das entidades, é possível continuar a baixar o passivo existente. Terminadas as dívidas, a gestão torna-se naturalmente mais facilitada para podermos investir mais também na nossa equipa de futebol sénior, tendo em vista outras divisões. Peço a todos que nos  ajudem, porque se isso acontecer, faremos da A.D. Fafe um clube cada vez maior, concluiu.
Ultrapassada a meia noite, e já no dia de hoje, 28 de Junho, dia do 57.º aniversário da A.D. Fafe, toda a gente se levantou para cantar, em uníssono, os parabéns à nossa Desportiva.


sábado, 27 de junho de 2015

Campo do Fareja vai "crescer" 25 metros!! Obras em andamento...



Texto: Abel Castro/Foto: DR

O GDCR Fareja adjudicou com a empresa SOSERDE Lda (Serzedo – Guimarães) o início da obra nas suas instalações desportivas.
O arranque das aludidas obras aconteceu na passada quinta feira.

Tudo começa pela ampliação do terreno de jogo, que media 90x45m e vai passar a ter as medidas mínimas exigidas para futuramente receber um piso sintético, isto é, 100x60m.
Também a zona destinada ao público vai ser substancialmente melhorada, com a edificação de uma bancada com três patamares, que poderá ficar em terra compactada, não sendo de excluir a possibilidade de os degraus receberem já o cimento. 
Também os balneários vão merecer obras de ampliação e melhoramentos.

O GD Fareja vive tempos de excelentes mudanças, com os seus responsáveis a merecer rasgados elogios pelas obras em curso.
De referir que, sem o apoio da C.M. Fafe, Junta de Freguesia, patrocinadores e da população em geral, esta obra não seria possível concretizar.


G.D. Travassós passeia classe e vence os dois primeiros jogos do Torneio de Beausoleil - Mónaco!


Fonte: GDT

Primeiro jogo:

M.D.P.. 0 - G.D. Travassós, 1


O GD Travassós venceu o primeiro jogo contra a equipa local do MDP. 
O golo travassolista foi marcado por Miguel aos 50’. O avançado formado no Travassós mostra-se, assim, com pontaria afinada para a nova temporada. António Pereira mostrou-se satisfeito com a prestação da equipa tendo em conta a falta de ritmo e o calor sentido naquela localidade.
Segundo jogo:
R.BOM GOSTO, 1 - G.D.TRAVASSÓS,5

Nuno Gonça, no primeiro minuto, inaugurou o marcador. 
Aos 10' Marco ampliou o resultado que seria reduzido pouco depois. 
Miguel, antes da meia-hora ampliou a vantagem que voltaria a ser aumentada por Rúben aos 35’. 
Aos 38’ Tó-Zé fechou o marcador nuns contundentes 5-1.

FUTSAL FEMININO NUN'ÁLVARES


Por: Gil Soares

Foi com enorme prazer que visionamos na Sporting TV a equipa de Futsal do Nun'Álvares. 
Apesar da derrota contra o Sporting CP, mais que o jogo ser transmitido é o sinal que estão num patamar elevado do futsal nacional. 
Parabéns e bom resto de competição.

Carlos Salgado foi eleito o melhor treinador 2014/15 na Gala Grande Area/Rádio Alto Ave!


Texto e foto: Abel Castro

Carlos Salgado foi o grande vencedor, na qualidade de treinador, da III Gala da Grande Area/Rádio Alto Ave.

O técnico do O.F.C. Antime era um dos nomeados e candidato ao prémio final, tal como António Pereira (Toninho) e Paulo Soares (Paulinho).
A escolha final da organização recaiu em Carlos Salgado, nesta sexta-feira à noite em Vieira do Minho.
A excelente época realizada na temporada passada pelo técnico fafense, terminou o campeonato na segunda posição, lutando até ao fim pela subida de divisão, não passou despercebida aos responsáveis que elegeram Carlos Salgado como o melhor treinador da série B da divisão de honra da A.F. Braga.
Carlos ficou naturalmente feliz com este prémio, dizendo-nos...
"Estou muito grato com esta distinção. Quero agradecer a todos que comigo trabalharam durante a época, porque este prémio também é deles.
Quero ainda agradecer à organização deste evento, porque estão efectivamente de parabéns pela divulgação que fazem de todo o futebol distrital".


Feirinha foi o melhor jogador da Divisão Honra Série B na III Gala da Grande Area/Rádio Alto Ave!!


Texto e foto: Abel Castro

Numa Gala que se realizou nesta noite de sexta feira na vila de Vieira do Minho, na frontaria dos Paços do Concelho daquela localidade, o jogador fafense Feirinha foi eleito o melhor jogador da série B da divisão de Honra da A.F. Braga.
A sua excelente temporada ao serviço da A.C.D. Pica onde marcou 23 golos não passou despercebida e Feirinha ganhou à concorrência com elevado mérito.
Após receber o respectivo troféu, o jogador disse à nossa reportagem...
"Estou naturalmente satisfeito por ter sido nomeado para esta Gala, e mais contente fico por ter sido eleito o melhor jogador da série B da Divisão de Honra. É a primeira vez na minha carreira que recebo um prémio destes e agora é tempo de desfrutar. Vou continuar a dar o máximo no futuro, tal e qual como fiz nas equipas por onde passei, para merecer a confiança que o treinador Miguel Paredes depositou em mim".